26 de mar de 2010

Professores da rede municipal do Recife participam de oficinas sobre Direitos Humanos

Violência contra a mulher, prevenção de Doenças Sexualmente Transmissíveis, Direitos sexuais e reprodutivos, racismo e Direitos humanos. Esse serão os motes de oficinas de formação com 20 professores de duas escolas municipais do Recife – Escola Arraial Novo, localizada no bairro de Torrões, e Escola Dr. Rodolfo Aureliano, do bairro da Várzea – que acontecem hoje (26) e amanhã (27), na sede do Grupo Curumim, no Recife.

O objetivo é repassar informações para os docentes a fim de que eles incluam essas temáticas nas salas de aula e em atividades extracurriculares. A ação é promovida conjuntamente pelo Grupo Curumim, o Grupo de Teatro Loucas de Pedra Lilás e o Centro de Cultura Luiz Freire, e continua na próxima terça-feira (30) e na primeira semana de abril.

“O nosso objetivo é formar núcleos para a discussão dos direitos humanos dentro das escolas. Com isso, nós trabalhamos nesse primeiro momento com os professores e depois faremos oficinas com um grupo de alunos e um grupo de mães”, explica a coordenadora do Grupo Curumim, Sula Valongueiro. Também participarão das oficinas integrantes do Grupo Leões do Norte e da Liga Brasileira de Lésbicas.

A ação faz parte do projeto Formação política em duas escolas públicas do Recife, iniciado em abril de 2009, e que já trabalhou temas como fundamentalismo religioso, estado laico, racismo, entre outros, com professores e alunos das duas escolas

Nenhum comentário:

Postar um comentário